(51) 991.612.101

Cabeleireiro Visagista e a técnica perfeita para alisar seu cabelo

Como o Cabeleireiro Visagista pode lhe ajudar a fazer o alisamento perfeito com produtos legalizados.

Há alguns anos, começou uma onda de produtos chamados “escovas progressivas”, que tomou conta do Brasil e de diversos países do mundo, promovendo uma padronização da imagem, onde todas as mulheres têm cabelos lisos a ponto de ficarem colados na cabeça e sem movimento algum, afirma o professor de Visagismo Acadêmico e Virtual Robson Trindade .

O resultado de cabelos ‘esticados’ e sem balanço se deve ao ativo mais utilizado nesse tipo de produto que é o formol, um produto químico considerado carcinogênico pela Organização Mundial de Saúde que é totalmente proibido para a utilização em produtos de uso capilar.

Esse tipo de produto com ativos ilegais e portanto proibidos, se deve ao fato de grande parte dos profissionais atuantes no mercado de beleza não possuírem formação e portanto, qualificação para trabalhar com produtos legalizados de alisamento, já que os mesmos necessitam do conhecimento de um profissional em anamnese, cosmetologia, fisiologia do escalpo e fibra capilar entre outros.

Além de ilegais, produtos à base de formol, glutaraldeído, ácido glioxílico entre outros, não precisam do conhecimento de um profissional qualificado, ou seja, qualquer pessoa pode adquirir e realizar a aplicação sozinha em sua casa.

Com o mercado de beleza em constante transformação e evolução, surgiu um novo profissional para suprir essa lacuna, que é o Cabeleireiro Visagista, um profissional que possui amplo conhecimento em Harmonização de Imagem, cosmetologia, gestão, fisiologia do escalpo e fibra capilar e muito mais, que munido de diversas ferramentas e muita informação, pode lhe indicar e executar o procedimento que realmente supre a necessidade da cliente e atende os seus desejos.

Portanto, quando pensar em fazer um alisamento, consulte um Cabeleireiro Visagista, ele pode atender a todos os seus desejos!

Website: http://educacaovisagismoeprojetos.com.br/

Fonte: Dino