(51) 991.612.101

Apliques de cabelo: conheça os tipos e escolha o melhor para você

Além de alongar os fios, os apliques de cabelo dão mais vida aos cabelos mais finos, o que os tornam ainda mais queridos entre as mulheres e tal popularidade fez com que diversas técnicas de alongamento surgissem. Conheça as mais populares!

Cabelos longos e volumosos são o sonho de muitas mulheres, mas alcançar as madeixas desejadas não é fácil, por isso as técnicas de alongamento capilar estão se tornando cada vez mais populares. Além de alongar os fios, os apliques de cabelo dão mais vida aos cabelos mais finos, o que os tornam ainda mais queridos entre as mulheres e tal popularidade fez com que diversas técnicas de alongamento surgissem. Com tantas opções a disposição é comum que haja dúvida sobre qual o procedimento ideal para cada tipo de cabelo. Para te ajudar, o “O Rei dos Cabelos” explica cada uma das técnicas e suas indicações, confira.

Alongamento com queratina
Este é um dos tipos de apliques de cabelo mais popular entre as mulheres. Fixado a raiz dos cabelos com uma cola a base de queratina, este alongamento promete um resultado bem natural. Com pequenas mechas que se confundem com os fios naturais, a alongamento com queratina é indicado para todos os tipos de cabelos, mas as usuárias devem ter alguns cuidados como não aproximar o secador e chapinha da raiz, evitando que o calor solte as mechas e prejudique o mega hair.
Bem cuidados e feitos por profissionais qualificados, este tipo de aplique não agride os fios. É imprescindível que as manutenções no salão sejam feitas a cada três meses, para que o aplique seja recolocado compensando o crescimento natural dos fios. Não realizar a manutenção no prazo especificado pode causar danos no aplique e nos fios naturais.

Nó italiano
Os alongamentos do tipo nó italiano são fixados as mechas naturais com lastex, bem próximos à raiz. Tal procedimento costuma ser ótimo para aquelas que buscam maior volumes para as madeixas. Como não leva cola na sua fixação, as usuárias deste mega hair podem usar o secador e a chapinha sem restrições. Com mechas finas, o resultado do alongamento também é muito natural.
Quanto aos cuidados, na hora de pentear é preciso que a usuária tenha cuidado com os puxões que são comuns, mas podem danificar o aplique. A manutenção no salão também deve ser feita a cada três meses para reposicionamento.

Entrelaçamento
Para fixação deste tipo de alongamento são feitas tranças de raiz, o que torna este alongamento imperceptível e uma alternativa para cabelos curtos. Como não possui cola, as usuárias deste mega hair podem utilizar chapinha e escova sem medo. Nos apliques de cabelo por entrelaçamento também é indicada a realização de manutenções no salão a cada 3 meses, porém esses exigem maior cuidado durante a lavagem e secagem em casa, já que podem acumular umidade e demorar mais para secar. A técnica é mais indicada para aquelas que possuem cabelos cacheados, pois as tranças formam um volume sobre a cabeça e para as mulheres de cabelo liso, isso pode ficar desproporcional.

Microlink
Aquelas que optam por este tipo de alongamento, tem as novas madeixas presas aos fios naturais por tiras de alumínio que são enroladas ao redor das duas mechas. Este tipo de mega hair requer cuidado com o acúmulo de produtos químicos e umidade nos anéis, pois podem danificar os cabelos. Os apliques de cabelos fixados por microlink precisam de muito cuidado para que os fios não se soltem dos anéis antes dos três meses de manutenção no salão, o que pode causar falhas.

Aplique de presilhas
Para quem deseja ter os cabelos longos e volumosos somente em eventos ou dias específicos, os apliques de presilha são as melhores opções. Você pode colocá-lo no salão ou até mesmo em casa com um pouco de calma. Como é removível, este aplique tem a vantagem de não precisar de manutenção, basta retirá-lo. Sua aplicação é rápida, no máximo 10 minutos e é perfeita para ocasiões especiais.

Website: https://oreidoscabelos.com.br/

Fonte: Dino