(51) 991.612.101

O alimento que está despertando a curiosidade da ciência

A maca peruana vem chamando atenção por sua riqueza nutricional e benefícios à saúde.

A maca peruana é um tubérculo encontrado em abundância na região da Cordilheira dos Andes, no Peru, não sendo muito popular até pouco tempo atrás. Atualmente vem chamando a atenção de estudiosos do mundo inteiro devido as suas propriedades nutricionais e potenciais efeitos terapêuticos.

Sua fama veio de países como Estados Unidos e a China. Aqui no Brasil a sua descoberta se deu sobre seu efeito energizante e revigorante. Mas não para por aí, o crescente interesse em torno do alimento despertou a curiosidade da ciência, que passou a verificar seus efeitos e já aponta os benefícios de seu consumo, como auxiliar no equilíbrio hormonal, regular metabolismo, combater a fadiga e melhorar o humor.

Maca peruana é o nome popular da raiz da planta Lepidium Meyenii com a indicação de sua origem. O tubérculo in natura é semelhante a um rabanete, porém, sua cor pode variar entre bege amarelada e rubro-negra. No Peru a maca peruana costuma ser consumida crua, cozida ou desidratada. Sua farinha também é utilizada para fazer preparações como pães e biscoitos. Atualmente, já é possível encontrar seu extrato em forma de farinha ou cápsulas no mercado nacional.

Essa raiz também caiu no gosto da galera fitness. Com 59% de carboidratos, o tubérculo é uma fonte natural e poderosa de energia, sendo ótimo para praticantes de atividade física. A maca peruana quando consumida gera uma sensação de saciedade por um período prolongado, pois possui um alto teor de fibras levando o indivíduo a comer menos, além de facilitar o processo digestivo, fazendo o intestino funcionar corretamente e eliminando o inchaço corporal, comenta a nutricionista Aline de Andrade. A maca peruana favorece o emagrecimento e possui pouquíssimas calorias: duas colheres de chá da farinha, por exemplo, possuem apenas 30 calorias.

Segundo a nutricionista, além das fibras, sua composição também é rica em nutrientes como Cálcio, Ferro, Ômega 3 e 9, Potássio, Selênio, Vitaminas do Complexo B, C e E, além de Zinco e aminoácidos. “Ela é considerada um superalimento justamente pela sua riqueza nutricional, que promove mais saúde, podendo agir contra o envelhecimento precoce e auxiliando no emagrecimento, entre outras funções”, comenta Aline.

A especialista explica que o tubérculo ainda tem um potencial energético capaz de promover mais vigor e ganho de massa muscular. ”O uso regular da maca peruana pode resultar em um aumento da resistência física e melhora do desempenho em exercícios e atividades esportivas”.

Website: http://www.alinedeandrade.com.br

Fonte: Dino