(51) 991.612.101

Marcas de beleza apostam na quebra de padrões

A tendência do empoderamento feminino dita novas regras na construção de imagem de empresas do segmento de beleza

A onda de empoderamento feminino chegou ao setor de beleza. Cada vez mais disseminado na internet, o comportamento que promove autoconhecimento e aceitação é uma tendência tão forte que vem influenciando até mesmo o marketing de empresas. Segundo pesquisas realizadas pelo Facebook, 79% das mulheres associam positivamente marcas que promovem tal temática. A profissional de recursos humanos, Marília Alves, acredita no empoderamento da beleza e acompanha a onda nas redes sociais:

“Sigo algumas blogueiras que lutam e levantam essa bandeira a cada dia; temos que ser reconhecidas pelo que somos e fazemos e não ser julgadas pela nossa aparência. Hoje em dia, nós mulheres estamos ganhando cada vez mais espaço e quebrando tabus referentes ao trabalho, corpo perfeito e ao preconceito que a sociedade impõe, estamos tomando as rédeas do nosso corpo e a indústria da beleza só vem a crescer se passar a valorizar isso. A mulher forte e empoderada não é apenas a junção de um corpinho e rostinho perfeito que segue incansavelmente tutoriais e editoriais de beleza, é importante representar verdadeiramente a mulher brasileira.”

Nessa “nova era”, vaidade e tendências de beleza não são vistas como inimigas: apenas ganham uma nova perspectiva; estão repaginadas. Impor padrões que excluem a grande maioria soa ultrapassado e o hábito antigo está sendo abandonado e dando lugar para campanhas mais tolerantes e inclusivas.

“As marcas entenderam que estavam perdendo público por não se adequar ao que hoje está sendo discutido, mas vale lembrar que foram elas que fomentaram durante anos isso na sociedade, com comerciais ‘ditatoriais’ de beleza. Hoje, marcas que mostram que se importam com esses crescentes têm ganhado mais adeptos e fiéis consumidores”, opina a estudante Natalia Batista.

A nova visão desentoa em comportamentos mais saudáveis para as mulheres e traz benefícios até mesmo no campo profissional, como explica a psicóloga Débora Múrgia: “A vaidade positiva gera amor próprio e contribui para a imagem que a mulher constrói de si mesma, inclusive no ambiente de trabalho. Quando nos sentimos bem com nossa aparência, realizamos nossas tarefas mais felizes. Gostando do que fazemos e fazendo com amor, temos um melhor rendimento.”

Pensando nesse aspecto, empresas buscam investir no perfil de mulher moderna, com uma “nova beleza” que é prática e flexível ao invés de autoritária. “Vemos quão felizes as mulheres ficam ao se cuidar. Vemos o olhar no espelho e o sorriso no rosto com o resultado de um procedimento bem feito. Queremos que elas façam isso sem medo ou recriminação, queremos que as mulheres se sintam bem e poderosas para galgar seu sucesso profissional e pessoal.”, diz Paola Greggio, fundadora da startup YOU Beauty Club.

A marca tem como carro-chefe assinaturas de beleza, mensalidades que propõem uma maneira rápida e acessível de manter os cuidados pessoais. As assinantes podem realizar serviços de beleza na frequência que desejarem (exemplo: manicure quatro vezes ao mês), com um bom custo benefício e possibilidade de usufruir de qualquer salão da rede de parceiros sem diferenças de preço. Paola conta que se espelhou em sua própria rotina como mulher e profissional para criar o sistema de assinaturas: “Chegar a um cargo de liderança sempre foi um sonho, desde a faculdade. O desejo de ser bem-sucedida profissionalmente, de ser reconhecida, sempre me fez trabalhar muito. Tenho cada vez menos tempo livre e, por vezes, esqueço de mim. Vejo muitos homens e mulheres no mesmo momento que eu, tendo dificuldades semelhantes. Mas é perceptível quão mais difícil é essa jornada para as mulheres. Na YOU ajudamos as mulheres a se cuidarem a um preço acessível e com maior praticidade. Sabemos como estar “de bem” com a aparência não influencia somente o trabalho, mas sim todas as esferas da sua vida e, por isso, queremos sempre lembrar essas mulheres de guardarem um tempinho pra si.”

Exemplos como este são a prova de que um novo padrão vem sendo construído: marcas se adequam cada vez mais ao perfil de seus clientes, em vez de “forçarem” os consumidores a se enquadrarem em seus padrões.

Website: https://www.youclub.com.br/

Fonte: Dino